Artigo

IDENTIFICAÇÃO DO PERFIL EMPREENDEDOR E DO MODELO DE NEGÓCIOS DAS STARTUPS DE TECNOLOGIA DE INFORMAÇÃO DO MUNICÍPIO DE MARINGÁ, PR

SAITO, Thamiris Rayane Shimano1; LIMA, Andrea Marques Serrano2;

Resumo

Introdução:As startups surgem no cenário inovador, onde as mudanças ocorrem de forma rápida e constante. Numa startup tem-se um modelo de negócios repetível e escalável, trabalhando em condições de extrema incerteza. Estas características trazem à tona a necessidade de um novo perfil empreendedor, que precisa estar constantemente atualizado e ser íntimo da tecnologia. A compreensão deste movimento de startups na região de metropolitana de Maringá torna-se relevante, pois proporciona a verificação da aplicação de abordagens teóricas na realidade empreendedora local. No ano de 2016 estimava-se a existência de cerca de 80 startups de tecnologia de informação no município de Maringá - PR. Com esta caracterização espera-se promover a compreensão deste movimento local, por meio da identificação de fatores determinantes para a criação e a sustentabilidade destas empresas.

Objetivo:Caracterizar as startups de tecnologia de informação localizadas no município de Maringá, PR. Especificamente: caracterizar o perfil do empreendedor, identificar o modelo de negócios adotado e a fase de desenvolvimento deste negócio.

Metodologia:Em primeiro momento foi feita a revisão de literatura, com a identificação de fontes de pesquisa, e o entendimento do tema proposto. A partir disto, as bibliografias selecionadas foram lidas e registradas em fichamento. De posse dos dados, por meio de entrevista com o gestor do Projeto Trilhas do Sebrae, Bruno Aldana, estes foram avaliados e apresentados por meio da análise quantitativa, com instrumentos gráficos. Na análise foi considerada a totalidade de startups de tecnologia de informação do município de Maringá, PR.

Resultados:Os empreendedores das startups da região de Maringá são, em sua maioria, homens, jovens, bem qualificados, estão empreendendo pela primeira vez. O principal público alvo é o B2B, do varejo seguido pelo setor de saúde. 64% dos negócios estão na fase de desenvolvimento, com 51% de gestão própria exercida, principalmente, por apenas 2 pessoas.

Conclusões:Os resultados encontrados refletem as características teóricas identificadas nas bibliografias pesquisadas, têm-se um empreendedor jovem, bem qualificado, e observa-se maior tolerância ao risco. Destaca-se ainda, que o ecossistema em que estes empreendedores se encontram favorece o desenvolvimento das startups, o Sebrae por exemplo, oferece constante qualificação e eventos em que os empreendedores podem compartilhar experiências. Por este ser um tema novo, espera-se que novas pesquisas possam ser realizadas para detectar a fase de investimentos e de execução dos projetos em desenvolvimento.

Palavras-chave:Startup. Perfil. Empreendedor. Modelo de Negócio.

Legendas

    1. Estudante
    2. Orientador