Artigo

ANÁLISE DE LIVRO DE RECEITAS CULINÁRIAS

OTANI, Fernando Eidi Takaoka1; AULER, Flavia2;

Resumo

Introdução:Muitas vezes nas escolas estaduais encontramos livros de receitas populares, que trazem mais variedade de receitas a serem servidas como o livro Dona Benta.

Objetivo:A pesquisa visa avaliar se é possível que um livro de receitas populares como o Dona Benta possa ser utilizado nas cozinhas das escolas públicas levando como base os estudantes com NAE e se elas podem ser reproduzidas dentro das escolas devido aos equipamentos necessários para serem feitas.

Metodologia:A pesquisa foi dividida em capítulos ao qual este se refere ao de bolos e para realizar esta análise foram coletados dados sobre os ingredientes presentes nas receitas e separados em critérios como fontes de ferro, sacarose, cálcio, proteína do leite de vaca, lactose, glúten, vitamina A e depois foram analisados os utensílios utilizados, tempo gasto para o preparo do alimento, rendimento, modo de preparo e temperatura de cada receita, estes dados foram colocados em uma planilha do Excel para melhor organização.

Resultados:Após a análise das 61 receitas, apenas 24 receitas poderão ser ofertadas aos intolerantes a lactose, 4 poderão ser ofertadas aos celíacos e apenas 1 poderá ser ofertada aos diabéticos. Há também a questão sobre o forno que em todas as receitas ele é necessário e nem todas as escolas públicas detém deste equipamento, além falta de informação de tempo quente, tamanho e número de porções que causaria confusão dentro da cozinha.

Conclusões:Em geral a carência de informações presentes nas receitas e a ausência de receitas destinadas a escolares com NAE impossibilitam sua apresentação nas escolas.

Palavras-chave:Dona Benta. Necessidades alimentares especiais. Escolares. Livro de receitas.

Legendas

    1. Estudante
    2. Orientador