Artigo

COMO OS AUTORES PARANAENSES CONTEMPORÂNEOS RETRATAM A ATMOSFERA CURITIBANA: COMO AS OBRAS, EM CONJUNTO, CRIAM UM RETRATO SOBRE A CIDADE

FARIA, Marianna Moraes de Castro1; GONCALVES, Adalgisa Aparecida De Oliveira2;

Resumo

Introdução:A partir da análise de obras de Dalton Trevisan, Manoel Carlos Karam e Wilson Bueno, a pesquisa investigou como os autores paranaenses contemporâneos dialogam com o imaginário da capital do Paraná e que retrato produzem da cidade. Para tanto fora feito um estudo sobre a biografia de cada um destes autores e o estudo bibliográfico sobre suas obras, traçando paralelos sobre as características dos três autores, sobretudo o uso da repetição. Na segunda etapa do trabalho a pesquisa concentrou-se no estudo sobre Curitiba e estudou, entre outros registros, a arquitetura e as tradições culturais da capital paranaense.

Objetivo:Investigar como os autores paranaenses contemporâneos, sobretudo Dalton Trevisan, Manoel Carlos Karam e Wilson Bueno, dialogam com o imaginário da capital do Paraná e que retrato produzem da cidade.

Metodologia:Para essa análise empreendemos a pesquisa bibliográfica.

Resultados:A presente pesquisa resulta em um importante registro do estudo das obras analisadas, a memória dos autores escolhidos, o registro para literatura acadêmica a despeito dos autores, a reiteração da temática das obras e principalmente, o paralelo traçado entre os trabalhos analisados. Para tanto foram analisadas obras literárias, artigos, entrevistas e espetáculos teatrais.

Conclusões:Os três autores analisados Dalton Trevisan, Manoel Carlos Karam e Wilson Bueno, trabalham a imagem e as referências culturais do estado do Paraná, dialogam com o imaginário da capital e produzem um retrato a respeito da cidade bastante semelhante. Além disso, ao longo da pesquisa foi possível observar aspectos técnicos bastante semelhantes entre os autores.

Palavras-chave:Dalton Trevisan. Manoel Carlos Karam. Wilson Bueno. Curitiba.

Legendas

    1. Estudante
    2. Orientador