Artigo

DESENVOLVIMENTO DE BIOFILMES A PARTIR DE GOMA GUAR E GELATINA

ASSIS, Carolina Gomes de1; LUCYSZYN, Neoli3; MOURA, Thais De3; VALENGA, Francine3; SOUZA, Clayton Fernandes De2;

Resumo

Introdução:Biopolímeros como proteínas e polissacarídeos são facilmente encontrados na natureza e possuem diversas funções. Quando misturados promovem diferentes resultados baseados na combinação de suas características. Além disso, a incorporação de outros aditivos como nanopartículas de ZnO, podem conferir novas propriedades.

Objetivo:O presente projeto teve como objetivo a obtenção e caracterização de filmes comestíveis a partir da mistura em diferentes proporções de goma guar (GG) e gelatina (GE) e incorporação de partículas de ZnO.

Metodologia:Os filmes de GG e GE nas proporções de 100% de cada e uma mistura de GG/GE (50%/50%) foram obtidos pela técnica de casting e depositados em suportes de polipropileno, sendo secos em estufa à 40oC por 24h. As partículas de ZnO foram obtidas por precipitação e incorporadas às soluções, numa proporção de 10% de partículas de ZnO calculadas com base no peso utilizado da GG e GE, antes da secagem. Dos filmes obtidos foi avaliado o aspecto visual (continuidade, homogeneidade e maneabilidade), a microestrutura por microscopia eletrônica de varredura (MEV), espessura e permeabilidade ao vapor de água através de um método padrão utilizando cloreto de cálcio anidro. Após a adição das partículas de ZnO foi avaliado a atividade antibacteriana e antifúngica através de ensaios disco-difusão.

Resultados:Os melhores filmes obtidos, considerando a melhor dispersão das nanopartículas apesar da aglomeração, foram os de 100% Goma Guar e 50% Goma Guar/50% Gelatina. Apesar da propriedade antimicrobiana que as partículas de ZnO podem conferir ao material, nenhum dos filmes mostrou inibição as bactérias (E.coli e S.aureus) e ao fungo (Saccharomyces) testados. A partir da análise por MEV, observou-se a morfologia dos filmes, confirmando a presença do ZnO, porem menos disperso do que o esperado.

Conclusões:Conclui-se que a partir do que foi realizado que as propriedades das nanopartículas, ao serem incorporadas a esse tipo de material, podem ou não agir da maneira esperada. Sendo assim, vale a pena explorar mais a fundo o tema tratado aqui.

Palavras-chave:biofilmes. Hidrocolóides. Nanopartículas. Óxido de zinco.

Legendas

    1. Estudante
    2. Orientador
    3. Colaborador